Pilates reformer: o segredo para resultados mais rápidos


Originalmente criado por Joseph Pilates a partir de molas de colchão para reabilitar prisioneiros na Ilha de Man durante a Primeira Guerra Mundial, este equipamento é valorizado por praticantes por trazer melhorias na postura, reduzir dores nas costas e articulações, aumentar a flexibilidade do corpo e desenvolver força no núcleo muscular do corpo.

O segredo do reformer – que é basicamente uma esteira que se move a partir de um sistema de roldanas – é oferecer uma combinação de resistência e apoio ao corpo. Além disso, o equipamento faz uso de molas que adicionam níveis diferentes de tensão aos movimentos, tornando os músculos mais poderosos e flexíveis.

Os exercícios de reformer não são substitutos diretos do Pilates feito em colchonetes, porém há estudos (leia aqui) que indicam maior efetividade na redução de dores nas costas e articulações na prática de reformer.

Outra vantagem do reformer sobre o colchonete: ele é superior para aqueles que estão se recuperando de um trauma físico, ou procurando prevenir traumas futuros.

Antes de marcar a primeira aula, aqui estão algumas dicas para saber o que fazer e esperar:

Não use roupas largas:

É importante que seu instrutor consiga ver o formato do seu corpo, para saber como seus músculos e articulações estão se movimentando. Se você usar roupas largas, como abrigos, é mais difícil para o profissional ver e corrigir seu alinhamento corporal.

Troque seus tênis por meias:

Talvez você vá para sua primeira aula esperando um ambiente de academia, mas não é possível praticar Pilates de tênis. Realize os exercícios de pés descalços ou, se desejar, de meias – mas não qualquer tipo de meia. Procure meias emborrachadas, para ter maior aderência ao chão e aos equipamentos.

Não se distraia

Aulas de reformer não são o tipo de exercício nos quais você simplesmente realiza os movimentos sem prestar atenção. Prestar atenção nos exercícios e movimentos não só aumenta a segurança das sessões, mas torna você mais consciente do seu corpo, equilíbrio, postura e alinhamento.

Fale

Sempre diga ao seu instrutor como você sente seu corpo antes, durante e depois das aulas. Mantenha comunicação constante para garantir os melhores resultados para suas necessidades.

Como começar

Se você tem interesse na prática do Pilates, o primeiro passo é agendar uma avaliação com um fisioterapeuta especializado no método, pois tentar realizar exercícios sem supervisão e orientação pode agravar problemas de saúde já existentes.


A Clínica Jardins conta com uma equipe de fisioterapeutas especializados e certificados, oferecendo atenção exclusiva em turmas reduzidas de até duas pessoas. Agende sua avaliação aqui e venha fazer Pilates!

Escrito por

Eloize Valadares